Confira os principais cuidados que você deve ter com o seu cachorro no verão

Com o aumento da temperatura, veja o que você precisa fazer com o seu cachorro no verão para evitar problemas

O verão já está em andamento. E com ele, temos que tomar certos cuidados em relação aos nossos patudos. Assim como acontece com os seres humanos, os cães também sofrem com as altas temperaturas. Por conta disso, neste artigo, vamos falar sobre os cuidados que um tutor precisa ter com o seu cachorro no verão. Não se engane! O forte calor pode, sim, ser um problema para o seu dog.

Os principais sintomas de que os animais estão sofrendo com as altas temperaturas são: ofegação excessiva, apatia, fraqueza, pele boca e nariz secos e até perda de consciência. Como os cães são animais com muitos pelos, eles acabam sofrendo mais nessa época do ano. Veja, a seguir, os principais cuidados que você dever com o seu cachorro no verão.

Baixe agora o novo e-book “8 Maneiras de Ajudar Cães Abandonados”

Durante esses dias mais quentes, o tutor não pode deixar de hidratar o seu animal. O ideal é trocar a água do cão umas duas vezes por dia, mantendo o líquido em uma temperatura agradável para o pet. Além disso, esse hábito é fundamental para evitar a proliferação de mosquitos causadores de doenças. Outra boa maneira para evitar a desidratação é oferecer frutas ricas em água para o patudo. Melancia e melão são ótimas alternativas.

Outro cuidado para o cachorro no verão é evitar deixá-lo em locais com pouca ventilação e sob forte sol. Caso fiquem expostos a um forte sol, os patudos podem sofrer insolação e queimaduras. Nada de deixar o cão amarrado no quintal ou preso em um único cômodo.

No verão, também é recomendável você dar mais banhos no patudo do que nas épocas mais frias. Dessa forma, você vai ajudar a regular a temperatura corporal do pet. Com as altas temperaturas, o seu cachorro irá ficar seco mais rápido, o que facilita a vida do tutor ao dar banho no cão.

Outro cuidado que você deve ter com o cachorro no verão é ao levá-lo para passear. Cimento, areia, pedras e outras superfícies tornam-se muito quentes nessa época do ano. Como não usam sapatos, as almofadinhas das patas dos cães ficam expostas e podem sofrer graves queimaduras. Leve o seu pet para passear nos períodos mais frescos do dia.

 

Comente com Facebook