Proposta tenta proibir fogos de artifício com ruídos. Os cães agradecem

Os fogos de artifício com ruídos são os grandes inimigos dos cães. Veja como você pode fazer a sua parte e ajudar os animais

Passada a virada de mais um ano, é comum vermos nas redes sociais os relatos de diversos tutores falando do sofrimento de seus animais domésticos por conta dos fogos de artifício com ruídos. No Blog Bendito Cão, há uma postagem sobre os efeitos que esses artefatos têm nos cães e como você pode minimizá-los. Esse problema, porém, não afeta apenas os patudos. Bebês, idosos e pessoas doentes também sofrem com os rojões e foguetes.

Devido a isso, diversos projetos de lei e propostas foram enviados pela população para o Poder Legislativo com a intenção de proibir o uso de fogos de artifício com ruídos no Brasil. Já no ano passado, muitas cidades do país já vetaram esses artefatos, liberando apenas os dispositivos luminosos. Outras localidades desistiram de toda e qualquer queima de fogos.

Baixe agora o novo e-book “8 Maneiras de Ajudar Cães Abandonados”

No site do Senado Federal, em um espaço para a participação popular, um cidadão de São Paulo apresentou uma proposta de proibição de fogos de artifício com ruídos. A consulta está disponível até o dia 13 de abril deste ano e precisa de 20 mil apoios para ser debatida pelos senadores. Caso você queria ver a proposta, clique aqui. Há mais de 50 mil apoios para essa proposta.

Enquanto essa proposta não vira uma lei federal, podemos fazer a nossa parte. Não solte fogos de artifício com ruídos. Também não deixe de apoiar propostas e projetos que busquem barrar esse tipo de artefato.  Não só os cachorros, mas outros animais e diversos seres humanos vão ser gratos por isso.

Comente com Facebook